Silke Buss já faz parte da Lista dos Mediadores de Conflitos da Direção-Geral da Política de Justiça. A DGPJ pôs os conhecimentos da Silke Buss à prova, com foco na legislação portuguesa, em novembro passado. A seguir reconheceu as qualificações adquiridas na Universidade de Ciências Aplicadas de Koblenz e aceitou o pedido de integração na lista.